ADDX - Idéias + Resultados
Rede dos Conselhos de Medicina
Selecione o Conselho que deseja acessar:
Conselho Regional de Medicina de Minas Gerais
Menu de acesso rápido:
Onde você está
Mídia | Jornal do CRMMG | Jornal ON-LINE

Saúde na Imprensa


19/04/2017 – 10:19  —  Fonte: O TEMPO

Médicos de Contagem cruzam os braços por 48 horas


Gabriela Sales

Médicos que atendem no Centro de Especialidades Iria Diniz e Centro de Consultas Especializadas (CCE) Ressaca, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, realizam a partir desta terça-feira (18), uma paralisação de 48 horas. Até a próxima quinta-feira (20/04), não haverá atendimento, já que as unidades só atendem consultas eletivas, ou seja, com agendamento prévio.

Segundo o Sindicato dos Médicos de Minas Gerais (Sinmed-MG), a decisão foi tomada no dia 10 de abril, após assembleia geral que reuniu os médicos das unidades. A categoria informou que a paralisação é um ato de repúdio à atitude da Prefeitura de Contagem que ainda não apresentou uma contraproposta salarial à categoria.

De acordo com o sindicato, os profissionais reivindicam um salário condizente com a jornada de 20 horas semanais. Há dez anos sem reajuste, a categoria recebe atualmente um vencimento inicial de cerca de R$ 3.600.

Os médicos também pedem melhores condições para atendimento. Nesta quarta-feira (19), haverá nova assembleia para definir os rumos do movimento reivindicatório.

O sindicato informou ainda que a adesão ao ato na cidade é de 100%, porém a categoria não divulgou quantos pacientes foram afetados com a paralisação.

A Secretaria Municipal de Saúde de Contagem (SMS) informa que, para garantir assistência à saúde da população, conta com o importante apoio dos profissionais médicos. "Dessa forma, a prefeitura está aberta ao diálogo e tem mantido reuniões sistemáticas entre representantes dos médicos e a pasta".

Na reunião realizada na segunda-feira (17/04), com a presença do prefeito, Alex de Freitas, e do secretário municipal de Saúde, Bruno Diniz, e do presidente do Sindicato dos Médicos de Minas Gerais (Sinmed), Fernando Luiz de Mendonça, o prefeito afirmou que toda a pauta de reivindicações da categoria será analisada, reforçando assim o diálogo com os profissionais.

A SMS informa que n nesta terça-feira (18), no CCE Iria Diniz a escala de médicos é 43 profissionais, devido à paralisação somente dois compareceram até o momento, desrespeitando o fixado pela medida liminar concedida pelo Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJMG) que garante 50% de escala mínima por categoria profissional na Atenção Secundária.

No CCE Ressaca segundo levantamento parcial um médico aderiu à paralisação. A secretaria informa ainda que os usuários que compareceram ao serviço de atenção especializada foram acolhidos, orientados e terão suas consultas reagendadas. Esclarecemos ainda que os serviços hospitalares e de Urgência e Emergência não tiveram prejuízos nos atendimentos.

A rede municipal de Saúde de Contagem conta atualmente com 564 médicos. Desses 86 estão lotados no CCE Iria Diniz, distribuídos em 34 especialidades. Já no CCE Ressaca são 09 médicos, distribuídos em 06 especialidades. 

Notícia adicionada por: Edson Braz
Visualizações: 40


Rua dos Timbiras, 1200, Funcionários
Belo Horizonte/MG — 30140–060
Horário de atendimento: 09:00h às 18:00h
Geral: (31) 3248–7700
Fax: (31) 3248–7701
FALE CONOSCO
Delegacias Regionais: